Com a possibilidade de gerenciar mais de 30 serviços de mensagens em único local, o Rambox é uma nova forma de organizar e centralizar serviços de comunicações, tais como: Gmail, Whatsapp, Hangout, Voxer, Skype e outros. Além disso, permite adicionar e gerencias serviços de mensagens em único local. É perfeito para pessoas que precisam estar conectadas em muitos desse serviços simultaneamente. Ele é gratuito e open source; e está disponível para Linux, Windows e Mac.

Rambox

Similar ao Franz, ferramenta que reúne 23 serviços de mensagens em único local, o Rambox vem para se tornar uma ferramenta mais completa. Pois, além de ser open source, tem foco na segurança e privacidade dos dados.

É distribuído sob a licença MIT e seu código fonte está disponível no GitHub. Além disso, é possível adicionar mais serviços manualmente, conforme instruções da wiki do projeto.

Suas principais características são:

  • Sincronização das configurações da ferramenta entre diversos computadores;
  • Notificações;
  • Adição de serviços de mensagens que não estão na lista dos 33 serviços padrões;
  • Personalização do dashboard da aplicação;
  • E mais…

Privacidade e Segurança

Nenhuma informação pessoal será guardada!

Sessões irão persistir usando o atributo partition:persist para Webviews. Assim, cada vez que for iniciado o Rambox, as sessões dos usuários irão manter-se ativas até que seja removido o serviço.

O recurso de sincronização usado é o Auth0 for Single Sign On (SSo) & Token Based com a integração com Firebase para armazenar os serviços que o usuário está usando.

Além disso, o código-fonte é aberto; você poderá consultá-lo quantos vezes for preciso 😉

Instalação

Download aqui.

Depois, extraia o arquivo zip disponível para download:

unzip Rambox-linux-x64.zip

Acesse o conteúdo da pasta descompactada:

cd Rambox-linux-x64

Dê permissões de execução para o arquivo ‘Rambox’:

chmod +x Rambox

Por fim, execute o arquivo ‘Rambox’ para iniciar a aplicação 😉

Publicidade
./Rambox

Via | MuyLinux.com