Administrando múltiplos terminais virtuais usando a ferramenta screen

Através da interface gráfica é possível, livremente, abrir mais de um terminal ou mais de uma aba no terminal. Mas quem necessita trabalhar diretamente ambientes sem recursos gráficos, vai precisar utilizar ferramentas que auxiliem a administração de múltiplas janelas virtuais dentro de um único terminal Linux. Sendo assim, é necessário conhecer a principal ferramenta para esse fim; o screen. Caso já conheça essa ferramenta, continue lendo para encontrar alguns exemplos de uso que irão aumentar sua produtividade.

AUMENTE SUA PRODUTIVIDADE!
Crie e administre aplicações entre ambientes diferentes. Tenha agilidade e padronização na entrega dos serviços de TI. E, assim, ganhe tempo e seja eficiente na entrega desses serviços. Saiba como

Se você faz uso rotineiro do terminal, provavelmente essa ferramenta irá ser uma “mão na roda” para você 😉

 

 

INSTALANDO E USANDO O SCREEN

 

O Screen é um multiplexador de terminais que permite ao usuário, em uma mesma sessão, abrir várias janelas e realizar atividades paralelas.

 

Ou seja, as janelas que ele cria estão dentro de uma mesma sessão e isso é muito útil. Por exemplo, numa única sessão remota via SSH, várias sessões virtuais poderam ser iniciadas em conjunto.

 

Caso não esteja disponível em seu sistema Linux, a ferramenta screen poderá ser instalada através do comando:

 

Para Debian e derivados:

apt-get install screen

Para RedHat e derivados:

yum install screen

 

EXEMPLO 1 – Realizar tarefa em segundo plano

 

Supondo que precise realizar um download via wget e não pode esperá-lo concluir para fazer outra tarefa; ou queira evitar que esse download seja interrompido por algum motivo (falha na conexão SSH, por exemplo). Sendo assim, abra uma sessão utilizando o comando abaixo:

 

screen

 

Posteriormente, inicie o download do arquivo em questão:

 

wget -c http://mirrors.hns.net.in/centos/6.3/isos/x86_64/CentOS-6.3-x86_64-LiveDVD.iso

 

Enquanto o download é feito, você deve pressionar as teclas CTRL+A+D. Essa combinação de teclas fará com que essa sessão virtual seja “separada” (detached) da sessão original; liberando por consequência o terminal para realização de outra tarefa:

 

 

Assim, para listar as sessões abertas execute o comando:

 

screen -ls

 

Diante dessa situação, caso sua conexão SSH (acesso remoto) falhe ou haja alguma interrupção na conexão da console Linux; basta você reconectar e executar o comando anterior (screen -ls) para ter uma visão de quantas sessões estão criadas.

 

Por fim, depois de “separar” (detach) a janela (screen); você desejará restaurar a sessão para saber se seu download está concluído. Para essa operação, execute o comando:

 

screen -r

 

E para retornar ao terminal “real” execute exit.

 

EXEMPLO 2 – Múltiplas telas (screens)

 

Caso você queira utilizar múltiplas telas simultaneamente, você precisará utilizar algumas combinações de teclas:

 

Após ter iniciado a sessão com o comando screen; execute as seguintes combinações de telcas:

 

  • Ctrl+A+c – criar nova janela
  • Ctrl+A+n – mudar de tela (avançar)
  • Ctrl+A+p – mudar de tela (retornar)

 

Ricardo Ferreira

Ricardo Ferreira

Fundador do Linux Descomplicado - LD.

Sempre em busca de novos conhecimentos, preza por conteúdo de qualidade e auto-explicativo. Por isso, persiste em criar um site com artigos relevantes para todos os leitores do Linux Descomplicado!
Ricardo Ferreira

Comentários

comentários


VOCÊ TAMBÉM PODERÁ LER...