ArchStrike – nova distribuição baseada no Arch Linux destinada para profissionais de segurança de redes

ArchStrike_DistroProfissionaisSeguranca

Ontem (25), a equipe de desenvolvedores do ArchStrike divulgou sua primeira versão da nova distribuição baseada no Arch Linux destinada para profissionais de segurança de redes. Essa versão contém mais de 1.200 ferramentas de testes de penetração (Pentest e Ethical Hacking).

AUMENTE SUA PRODUTIVIDADE!
Crie e administre aplicações entre ambientes diferentes. Tenha agilidade e padronização na entrega dos serviços de TI. E, assim, ganhe tempo e seja eficiente na entrega desses serviços. Saiba como

ArchStrike

Anteriormente conhecida como ArchAssault, o projeto ArchStrike ainda mantém todas as características do projeto anterior; bem como base na distribuição Arch Linux e robustez no controle de repositórios dos pacotes. A novidade, nessa nova empreitada, por parte dos desenvolvedores, é se tornar referência de sistema, baseado no repositório Arch Linux, que ofereça ferramentas de segurança para profissionais e entusiastas. O leque de ferramentas é extenso… são mais de 1.200 ferramentas voltadas à segurança de redes, Hackers Éticos e profissionais de segurança.

Inicialmente criado para ser uma base de repositórios de pacotes de segurança para a comunidade Arch Linux, o ArchStrike lançou ontem(25) uma release da sua nova distribuição – empacotando todas as ferramentas do projeto. Para essa nova distribuição foram criados 2 novos repositórios na árvore de repositórios oficiais do Arch Linux; o archstrikearchstrike-testing. Além disso, disponibiliza 3 opções de gerenciadores de janelas. O OpenBox, XFCE e o I3.

A ISO do ArchStrike, versão 2016.07.21, está disponível para download aqui. Distribuído em arquiteturas 64 bits (x86_64) e 32 bits (i686). Por padrão, o gerenciador de janelas adota é o OpenBox. Além do download da imagem ISO, também está disponível versões para VirtualBox e VMware. Todo processo de instalação no seu computador, via imagem ISO, pode ser seguido diretamente na Wiki oficial do Projeto.

ArchStrike como repo no Arch Linux

Caso seja usuário Arch Linux e queira, apenas, adicionar os repositórios do ArchStrike no seu sistema, em vez de instalar um novo sistema, seguem informações de como proceder:

1. Adicionar repos no arquivo /etc/pacman.conf:

Importante: Arquiteturas x86_64 devem ter o repo multilib habilitado.

Atualização do banco de dados de repositórios do sistema:

# pacman -Syy

2. Configurar o ArchStrike repos:

# pacman-key –init
# dirmngr < /dev/null
# pacman-key -r 7CBC0D51
# pacman-key –lsign-key 7CBC0D51

3. Instalar pacotes necessários:

# pacman -S archstrike-keyring
# pacman -S archstrike-mirrorlist

Depois, abra o arquivo /etc/pacman.conf e altere as linhas que você adicionou anteriormente:

Altere por:

Caso queira usar o repo archstrike-testing, adicione também:

Atualização do banco de dados de repositórios do sistema:

# pacman -Syy

4. Criar grupos:

$ pacman -Sl archstrike
$ pacman -Sl archstrike-testing

A lista de grupos do ArchStrike pode ser vista assim:

$ pacman -Sg | grep archstrike

Para seguir o tutorial oficial, acesse a Wiki do Projeto ArchStrike.


Via | Softpedia.com

Ricardo Ferreira

Ricardo Ferreira

Fundador do Linux Descomplicado - LD.

Sempre em busca de novos conhecimentos, preza por conteúdo de qualidade e auto-explicativo. Por isso, persiste em criar um site com artigos relevantes para todos os leitores do Linux Descomplicado!
Ricardo Ferreira

Comentários

comentários


VOCÊ TAMBÉM PODERÁ LER...