Dependendo do dispositivo que estiver usando, seus vídeos deverão ser convertidos em formatos que seja compatíveis com ele. Por isso, você irá precisar ter um software eficiente que possa convertê-los sem problemas. Sendo assim, apresento uma lista com 6 programas que convertem, para diversos formatos, seus vídeos no Linux.

1 – MEncoder

MEncoder é uma ferramenta que usa linha de comando para codificação de vídeos. Ele é distribuído juntamente com o MPlayer e permite converter de todos os formatos de vídeo aceitos por ele. Devido a enorme quantidade de opções o MEncoder pode parecer pouco amigável no começo, mas ele é uma ferramenta extremamente poderosa para conversão de vídeo. Entre algumas possibilidades, inclui corte, dimensionamento, alteração de proporção de pixels do vídeo, conversão de cores, Matiz / Saturação; entre outros.

Por outro lado, alguns frontends foram desenvolvidos para torná-lo mais acessível, tais como o DivX Converter.

Instalação

$ sudo apt-get install mencoder lame libavcodec54
$ sudo yum install mencoder

Para a instalar o frontend DivX Converter do MEnconder, baixe o .deb diretamente nesse link e instalar normalmente na sua distro Ubuntu ou derivada.

Caso prefira usar o MEncoder diretamente pela linha comando, seguem alguns exemplos de uso:

Convertendo um .FLV (youtube) em .AVI

$ mencoder seu_video.flv -oac mp3lame -ovc xvid -lameopts preset=standard:fast -xvidencopts pass=1 -o seu_video.avi

Juntando vídeos

$ mencoder -oac copy -ovc copy part1.avi part2.avi part3.avi -o full_movie.avi

2 – Transmageddon

O Transmageddon suporta quase todos os formatos de vídeo. É um conversor de vídeo para Linux baseado em GStreamer (um framework para desenvolvimento de aplicações que lidam streams multimedia, como áudio e vídeo). Portanto, o objetivo da aplicação é para ajudar as pessoas a converterem seus arquivos, sem ter que recorrer a ferramentas de linha de comando!

Instalação

$ sudo apt-get install transmageddon
$ sudo yum install transmageddon

3 – Arista

Arista é uma ferramenta simples que converte arquivos de vídeo facilmente. Ele é oficialmente construído para GNOME. Ele suporta MP4, WebM, Matroska, AVI, Ogg, FLV (codecs de vídeo: H.264 -, VP8, MPEG4 / DivX, MPEG2, Theora, o Flash Video / áudio: AAC, Vorbis, MP3, FLAC, Speex, WAV).

Instalação no Ubuntu e derivados

$ sudo add-apt-repository ppa:webupd8team/arista
$ sudo apt-get update
$ sudo apt-get install arista

4 – Curlew

Curlew é um conversor gratuito para Linux. É escrito em Python e GTK3 e baseado ffmpeg. Ele é fácil de usar, pois uma interface simples. Além disso, é possível converter mais de 100 formatos diferentes.

Baixe aqui os arquivos oficiais.

Instalação via PPA no Ubuntu

$ sudo add-apt-repository ppa:upubuntu-com/multimedia
$ sudo apt-get update
$ sudo apt-get install curlew

5 – Handbrake

O Handbrake é um programa que faz conversão de vídeos em diversos formatos, contando com a vantagem de ser uma ferramenta de código aberto gratuita. O programa é compatível com equipamentos como: Apple TV, iPod, iPhone, Xbox 360, PlayStation 3 e PSP. A ferramenta suporta todas as principais plataformas, incluindo Windows e Mac. Handbrake está oficialmente disponível para Ubuntu Linux, mas se você estiver usando qualquer outra distribuição Linux, como Debian, Linux Mint, Fedora ou qualquer outro, então você pode compilar o código fonte. Handbrake usa bibliotecas de terceiros, tais como x264, Libav e FAAC.

Instalação via PPA no Ubuntu

$ sudo add-apt-repository ppa:stebbins/handbrake-releases
$ sudo apt-get update
$ sudo apt-get install handbrake
$ sudo apt-get install handbrake-gtk
$ sudo apt-get install handbrake-cli

6 – FFmpeg

FFmpeg é uma solução completa para gravar, converter, comprimir áudio/vídeo e streaming de arquivos de áudio e vídeo. O Projeto FFmpeg foi iniciado em 2000 por Fabrice Bellard e é mantido por Michael Niedermayer desde 2004. Inclui a biblioteca libavcodec, biblioteca de codec de áudio e vídeo. O projeto é desenvolvido principalmente em Linux mas ele pode ser compilado em outros sistemas operacionais, incluindo Windows. É um programa em linha de comando que é composto de uma coleção de software livre e bibliotecas de código aberto. O nome do projeto vem do nome do grupo de padrões de vídeo MPEG, junto com a sigla “FF” que em inglês é “fast forward” ou avanço rápido em português.

Publicidade

Instalação

Segue link de instrução de instalação, da versão mais nova do FFMPEG, nas principais distros existentes.