A Microsoft, através de um de seus executivos, recentemente, fez um convite dirigido aos desenvolvedores, que criam soluções feitas no Linux, para testarem o Windows 10. O convite foi feito num canal de comunicação da Microsoft, voltado a programadores, pelo executivo Rich Turner. Basicamente, ele faz menção a que é possível fazer o que é feito no Linux; fazer no Windows 10 também. Em outras palavras, ele informa que é possível iniciar um projeto web no Apache, desenvolver um projeto em Go, C, entre muitas outras linguagens.

Diante de tantas mudanças, na postura da Microsoft em relação ao open source, como ingresso como membro platinum na Linux Foundantion, divulgação do SQL Server para Linux e criação de um subsistema compatível com o Linux, com base no bash Ubuntu; rumores de que a Microsoft visa aumentar seu market share estão se concretizando!

No convite, conforme vídeo abaixo, o executivo diz que “o subsistema Windows para Linux fornece aos desenvolvedores todas as ferramentas necessárias para codificar exatamente como é feito no Linux; tudo sem perder as vantagens do Windows 10”

Além disso, é solicitado aos interessados, nessa migração, reportarem os resultados obtidos; bem como: bugs encontradas e afins.

Microsoft e Linux

É notório que a Microsoft tem aumentado constantemente o seu envolvimento em projetos de código aberto e comunidades. A “empresa é atualmente um dos principais contribuidores de código aberto no GitHub e no início deste ano anunciou vários marcos que indicam o escopo de seu compromisso com o desenvolvimento de código aberto”, nota feita no momento da divulgação da participação como membro platinum da Linux Foundantion.

Contudo, se ainda existiam dúvidas por tantas parcerias sendo firmadas com a comunidade Linux, muitas delas estão ficando mais aparente; o foco são os desenvolvedores!

Publicidade

Via | Wintech | BR-Linux